Sábado musical

Sim, tentarei falar de música. Não, não tenho experiência nisso, mas, ora bolas, eu gosto tanto de música, por que não posso então tentar escrever uma postagem sobre ela?
Pois vamos lá!

A primeira é a banda lá dos lados da Califórnia composta por John Fogerty (guitarra e vocais principais), Tom Fogerty (guitarra), Stu Cook (baixo) e Doug Clifford (bateria) - Creedance Clearwater Revival.
Confesso que não é uma banda que conheço há muito tempo. Quer dizer, de nome eu conheço faz tempo, mas nunca parado para conhecê-la. Certa vez, assistindo o programa de televisão "Inglês com música" (muito bom, por sinal!), ouvi pela primeira vez a música "Proud Mary" (que posteriormente descobri ser do álbum Bayou Country), na voz da Amanda Acosta. Fiquei curiosíssima em ouvir a versão original. Caramba, muito legal! É impossível não ficar cantarolando o refrão de "Proud Mary" por dias a fio. Sim, eu adorei mesmo essa música. A melodia é muito gostosa!

Escutem e me digam o que acharam:



* * *

A segunda banda é talvez (ou com certeza?) a maior banda de grunge que já existiu. Sim, falo de Nirvana! Banda formada por Kurt Cobain (por que você suicidou, seu lindo? :-/), vocalista e guitarrista, e pelo baixista Krist Novoselic em 1897, na terra onde nasceu Kurt, Aberdeen.
A música escolhida é Come As You Are, do álbum Nevermind. Admito: quando conheci essa música, ouvia repetida vezes, por várias horas seguidas. É viciante, acreditem.

Aqui está, vicie-se:



* * *

A terceira banda (e última de hoje) é a banda de country rock The Jayhawks, que estourou na década de 80, e que influenciou tantas outras bandas como Uncle Tupelo. Depois do hiato de 2005 a 2010, The Jayhawks voltou à atividade e, ao que tudo indica, lançará um novo álbum no próximo mês (obaaa!). Escolhi a música "Bad time" (do álbum Tomorrow the Green Grass), que, na verdade, é um cover da música da banda Grand Funk Railroad (que eu também adoro, mas falo dela em outro post; aliás, só se vocês aprovarem esse post).

Com vocês, The Jayhawks:



* * *

Well, well, well (esse tríplice well me lembra faz lembrar de outra música, aliás - e quem descobrir ganha um prêmio!), fico por aqui. Não sei se gostarão desse meu post, sou amadora nessas coisas. Esse é o meu primeiro musical, saibam. Nunca tinha feito um antes, enfim, espero que não o achem tão desprezível assim.

Até próximo sábado, seus arretados!

6 comentários:

Maurício disse...

Bom post e interessantíssimo. Eu escuto creedence há 10 anos e cada dia sou mais fã.

Nirvana não é a melhor banda de grunge, porque esse posto fica para o Pearl Jam, do baita vocalista e letrista Pearl Jam.

Adorei o post e as músicas, se houver mais post sobre música (diga-se rock), com certeza voltarei a ler.

beijos!

Maurício disse...

Putz, me empolguei tanto que acabei escrevendo Pearl Jam duas vezes hahahahaha. O nome do vocalista é Eddie Vedder.

Lidiele Moura disse...

garotas, qual de vocês vai no pearl jam? =]

Allyne Araújo disse...

srsrsrsrsrsrs.. que nada! se nao fosse o nirvana o movimento grunge não tinha estourado tanto,e nem o Pearl Jam tinha esse sucesso todo! O melhor texto daqui, me desculpem as demais, mas nirvana cara!!!!!! é demais!!!!! adoreiiiiiiiiiiii!!!!!!!

Ana Seerig disse...

Só por ter Creedence encabeçando, já é um baita post.

Já te disse que não sou muito de Nirvana e só tinha ouvido falar da terceira banda...

Como tu sabe, sou um zero à esquerda em música internacional...

Eis algo que esperava há tempos, um post musical de Erica Ferro!

Rebeca Postigo disse...

Excelente post!!!
Falar de música é maravilhoso...
Ler sobre música é melhor ainda...
Amei seu post, Erica!!!

Bjs