Quando...


Aproximei-me, todavia fugiste para a outra esquina...
Fui fria, então tu me desejavas...
Expus o que estava engasgado na minha garganta...
Porém, era inverno...
Encaraste-me outra vez, contudo teve medo...
Percebeste o erro cometido, mas já era primavera...
Quando o sol se foi...
Então, percebeu que era tarde demais...
Porque me viu ao lado de outro alguém...

3 comentários:

Jeniffer Yara disse...

Por que sempre damos ou nos dão valor quando perdem?! Quase sempre é assim,e quase sempre também já é tarde demais para voltar atrás, infelizmente :X

Beijos

Teca Eickmann disse...

oproblema é que demoramos pra saber o que sentimos, e o tempo não nos espera. adorei aqui. :*

Erica Ferro disse...

Primeiro: adoro seus contos! ;D
Segundo: é lamentável o fato de as pessoas só darem valor a algo/alguém quando perdem.
Terceiro: um beijo pra você, sua linda. s2