Elefante Branco*



Ritchie
(Tigres de Bengala)

Texto alheio de hoje será diferente e musical.



Você já pensou em chegar numa boa aos 40?
Por que você não tenta?
Por que não experimenta?

Você quer dançar ao som do soul dos anos '60?
Então por que não reinventa?
Por que não experimenta?

Não tenha medo da loucura
Do escuro, da solidão
Nem do elefante branco na contramão
Se o mundo da tanta volta
Não há tempo de olhar pra trás
Repetindo os velhos erros dos nossos pais
(que descansem em paz!)

Às vezes a vida voa, às vezes ralenta
E as vezes arrebenta
Por que não experimenta?
Tudo que a gente não fez, e agora lamenta
Por que você não tenta?
Por que não experimenta?
 ______________________________
As pessoas às vezes tem medo de correr atrás do que sonham pelo simples fato de que isto significa arriscar e percorrer riscos, ou por medo do que irão pensar os demais... Sabe de uma coisa? Quem perde é a gente, por não dar razão ao que acreditamos, mesmo que isto possa ser loucura. 

Como diz uma fã de carteirinha do Ritchie: “Baita música tchê!... Que Tri!” ou mais ou menos isso. Sei que, dele esta é minha preferida.

Beijos e se cuidem!!! Até...

* Baú  da Ana Seerig

3 comentários:

Ana Seerig disse...

Tigres de Bengala *-----------*

Ana Seerig disse...

Passado o momento de emoção, fui ler o que tu escreveu. E sim, eu digo: Baita música, tchê!

Mas hein, a música não é só do Ritchie. Ele fazia parte da banda (voz inconfundível, né?), mas tinha outros músicos importantes, como o Claudio Zoli.

Erica Ferro disse...

Realmente! Baita música, tchê!
Adoro essa música, cara. SÉRIO!

A gente tem que se jogar na vida mesmo, Allyne. Dar a cara a tapa, se arriscar, senão a gente nunca vai saber se consegue, se vence, se alcança.

Beijo!